Resolvi escrever hoje sobre mais uma das inúmeras chamadas pra compras milagrosas que recebemos no e-mail. Mas especificamente, em como esconder sua real performance mudando o indicador.

Quando você compara a performance de uma certeira de ações, normalmente utiliza um índice de ações, que seja o Bovespa ou PIBB. Quando li uma página imensa de auto-elogios para a performance superior da carteira que passaria a ser ultra-secreta, só para os mais privilegiados e iluminados que pagassem um porrilhão de dinheiro pelo acesso, se vangloriando dos 160% do cdi em 2016.

Em um primeiro momento, não percebi a jogada. Sinceramente, eu costumo comparar com o cdi também, já que é, de uma certa forma, o básico que se espera receber sem risco. Se você está correndo risco, nada mais justo que esperar receber mais do que esta taxa. E, como não tenho acompanhado o mercado há algum tempo, demorei a cair a ficha que o Bovespa teve uma boa valorização este ano.

engano3vy

Por isso, tive a ideia de fazer os cálculos. Consultando o Portal de Finanças, vi que o cdi acumulado até novembro foi de 12,73%, e dos últimos 12 meses foi de 14,04%. Como não lembro se a comparação era com os últimos 12 meses ou somente em 2016, vou dar o benefício da dúvida e utilizar o maior. Com isso, 160% seriam 22,46%.

Já o Ibovespa, segundo consulta ao Infomoney, em 2016 teve valorização de 31,15%. Como seria extremamente caro montar uma carteira idêntica ao Ibovespa, vou considerar então a valorização do BOVA11, também pelo infomoney: 30,79%.

Ou seja, se ao invés de incorrer em custos de corretagem, assinatura de relatório, e eventuais mudanças de portfolio (não sei se acontecem, pois não assino), realizando um simples investimento em um ETF replicando o índice você ganharia 37% a mais (ou 8,33 pontos percentuais). Isso tudo ANTES de todos os custos citados e impostos.

Também havia um gráfico comparativo de maior prazo, onde a tal carteira batia com folga todos os outros indicadores mas, infelizmente, eu já havia apagado a mensagem antes de escrever este texto.

Fica a dica: sempre faça os cálculos, considere os custos de replicar as carteiras, as estratégias, ou que seja (inclusive os de assinatura), compare a performance com um investimento mais simples como um fundo indexado ou tesouro direto selic.

Anúncios