De vez em quando eu ainda respondo comentários no texto que escrevi sobre qual certificação financeira fazer, que fez um ano esta semana. Nem parece que já faz tanto tempo. Era uma das minhas metas de 2015 ser aprovado em uma certificação financeira, e neste texto eu ponderava as vantagens e desvantagens de cada uma.

É curioso ainda perceber interesse neste assunto, principalmente na situação atual com a bolsa afundando a níveis de quase uma década atrás. Sinal que ainda tempos pessoas empolgadas e entrando no mercado.

Pensando nisso, e inspirado por um comentário recente pedindo ajuda com materiais para as certificações “de entrada” (CPAs 10 e 20), resolvi escrever este texto. Dependendo de como as coisas se desenrolarem, acabo tornando isto uma série de textos mais aprofundados.

Material de estudo

Apostilas

Imagem-para-post-sobre-apostila

Sem sombra de dúvida, não importando sua base prévia de conhecimento, a fonte de material que indico aqui para todos são as apostilas gratuitas em pdf do Prof. Edgar Abreu. Elas são atualizadas periodicamente. Quando escrevi o texto, a última atualização das apostilas de CPA 10 e 20 era de 09/2015. Parece muito tempo, mas o conteúdo da prova não sofre mudanças com tanta frequência. A principal vantagem delas é que são objetivas e direta ao ponto. Você não perde tempo com informações desnecessárias ou aprofundamentos excessivos. A didática é ótima, tudo que você precisa para passar está lá. Ponto.

Treinamentos e materiais de treinamento

E6EE7DDA-D4CB-C41B-A6D4-3652D8D658EC

Se você é funcionário de alguma instituição financeira, e está realizando a prova por exigência regulatória, provavelmente sua IF contratante possui materiais para treinamento. Minha experiência com estes materiais é o motivo pelo qual indico as apostilas do Edgar Abreu como fonte principal: elas se aprofundam excessivamente na matéria, chegando a detalhes absurdamente desnecessários. Como material de estudo para aperfeiçoamento pessoal, aí sim.

Livros e cursos

Livros

Sinceramente, não gastei dinheiro com livros ou cursos. As provas não são difíceis se você acompanha o mercado, ou trabalha numa instituição financeira que lida com fundos. Então, não posso sugerir nada nesse sentido. A única exceção seriam os livros de exercícios, desde que atualizados. Fazer muitos exercícios é essencial.

Conclusão

Portanto, indico que utilizem as apostilas e exercícios como fonte primária, e qualquer material fornecido por seu empregador ou livros como fonte secundária para aprofundamento. Como eu já disse, as provas não são difíceis, e somente as apostilas já seriam suficientes. Se você trabalha no ramo, ou acompanha o mercado e estuda por conta própria, provavelmente já conseguiria passar somente se atentando a alguns detalhes mais chatos como alíquotas de imposto e etc.

 

Um abraço!

 

Anúncios